• luminarea brasil

Para que serve uma guerra?

O que acontece com nossa mente quando se depara com essa pergunta??

…para onde a mente vai, no que ela pensa primeiro?


Podemos redefinir pressupostos sobre valores, crenças, modelos mentais que estão arraigados em nós…, em nossa cultura…, em nossa definição de poder…, de fronteiras…, de soberania ou de glória… para então questionar legitimamente: … ao quê, ou a quem, uma guerra serve?


Para onde uma guerra nos leva, afinal?

Vendo “países irmãos” entrarem em guerra, eu me pergunto… como raça humana: o quê pudemos aprender com todo o sofrimento de conflitos e guerras anteriores? … já não aprendemos que o preço da paz não é a guerra?


Todo o horror vivido na história dos homens valeu apenas para que criássemos tecnologias mais “potentes” para “matar melhor”, mais rápido e em maior escala??? Será que foi para isso que recebemos o dom de nascer como vida inteligente…? Foi só para aprendermos a destruir barbaramente?


Uma guerra acontece quando as possibilidades da inteligência humana foram encobertas por seus piores enganos...Quando sua sabedoria entrou na lástima de sua completa falência.


A guerra acontece quando o homem se rende à cegueira da sua ilusão — se esquecendo do que ele é feito, e de onde ele vem, e quem de fato ele é…. Quando se nega a enxergar a si ou ao outro além da casca da sua superficialidade. Quando acredita em todas as mentiras criadas por sua ignorância, por sua INconsciência.


Estamos vivendo o tempo do maior “check mate” da nossa história, que acontece justo no campo da consciência humana. Ou despertamos agora, ou estaremos destinados a toda sorte de sofrimentos que nossa ignorância é capaz de produzir equivocadamente com a inteligência que recebeu.


Quando criamos guerra (de qualquer tipo) estamos atirando nossa inteligência no esgoto existencial. Estamos jogando no lixo todo o precioso esforço de Vida de todo ser humano que nos antecedeu na Terra. Essas vidas já pagaram um preço alto demais para cada pequeno passo dado em nosso processo evolucionário… Deveríamos honrar o legado desse esforço. Minimamente, mantendo a Paz! Pois uma guerra é a maior expressão do bárbaro (e inaceitável) atraso em nosso desenvolvimento como vida ‘potencialmente’ inteligente no planeta.


Mas, é possível dissolver a ignorância que reforça essa tendência que temos a estimular conflitos e guerras dentro de nós?



Sim! Examinando a Verdade que reside em nosso espírito!

Quando nos dispomos a fazer isso, ali, bem onde estamos - na realidade do nosso dia-dia (em casa, no trabalho, no tempo livre… ou mesmo do conflito como vemos no video…) estamos contribuindo para que a verdade e o bem prevaleçam!! Porque é defendendo a vida (em qualquer instância) que encontramos a Paz, e geramos a Vida que desejamos viver.


Cultivando esse estado dentro de nós promovemos essa mesma qualidade ao nosso redor, e então estamos ampliando o alcance da Paz e tornando-a vitoriosa no mundo.


A guerra nunca gera vencedores. De nenhum tipo, de nenhuma grandeza.

Só gera uma raça falida e envergonhada de si mesma!!

É óbvio e urgente que cada um de nós fortaleça a paz e o BEM, onde quer que esteja.


É nesses valores que descobrimos o propósito da nossa existência, onde prosperamos e fazemos tudo valer a pena. Porque a PAZ e o BEM são a expressão da verdade do nosso espírito. E sendo assim, não nos custa nada manter essa condição que já está em nós. Talvez só custe uma escolha: a de vencer vencer o hábito dessa insana ignorância que só nos cega e mata.


Que nossos olhos se abram HOJE para a Verdade da Vida — tão clara em nosso espírito, e tão nítida quando enxergamos com a consciência desperta.


Com amor,

Cinara Cristina Bastos.

✨🙏🔔🪄

Lumin’área Brasil

Posts recentes

Ver tudo